Estudo randomizado, multicêntrico, aberto, de fase III, de lapatinib, trastuzumab como adjuvante, sua seqüência e sua combinação em pacientes com câncer de mama primário com HER2/ErbB2 positivo

O câncer de mama é a neoplasia mais incidente nas mulheres, excetuando-se os casos de câncer de pele não-melanoma, representando 25% do total de casos de câncer no mundo, com aproximadamente 1,7 milhão de casos por ano. É a causa mais frequente de morte por câncer em mulheres. No Brasil, para o ano de 2016, foram registrados mais de 55 mil casos novos.

 

O estudo Altto visa a otimização do tratamento adjuvante com lapatinibe e/ou trastuzumabe em pacientes com câncer de mama primário com HER2/ErbB2 positivo. O lapatinibe, um novo composto que está sendo desenvolvido para o tratamento de vários tipos de câncer, mostrou ser um inibidor potente e seletivo dos receptores do fator de crescimento ErbB1 e ErbB2. O lapatinibe é um membro da classe 4-anilinoquinazolina de

inibidores da tirosina quinase. A superexpressão do ErbB1 ou ErbB2 foi relatada em uma série de tumores humanos e tem sido associada a um pior prognóstico e redução da sobrevida global de pacientes com câncer. Assim, uma droga que bloqueie a atividade da tirosina quinase do ErbB1 ou ErbB2 poderia bloquear a proliferação do tumor.

Links

O protocolo do estudo está disponível no:

https://clinicaltrials.gov/ct2/show/NCT00490139?term=Altto&rank=2